Número de corretores de imóveis aumenta quase 50% em cinco anos no Brasil

Quantidade de imobiliárias também aumentou no Brasil. Segundo especialistas, área é bastante abrangente e corretores de imóveis preparados se destacam em meio à expansão do número de profissionais

Nos últimos cinco anos, o mercado imobiliário brasileiro testemunhou um crescimento notável no número de corretores de imóveis e imobiliárias em atividade. De acordo com dados recentes do Conselho Federal de Corretores de Imóveis (Cofeci), o número de profissionais ativos aumentou em impressionantes 44%.

Em 2018, o Brasil contava com 383 mil corretores de imóveis atuantes. No entanto, até o final de 2023, esse número saltou para 554 mil, refletindo um crescimento de 8% em comparação com o ano anterior.

Além do aumento no contingente de corretores, o setor também presenciou uma expansão significativa no número de imobiliárias em funcionamento em todo o país. Em 2018, havia 47 mil empresas ativas no ramo imobiliário. Ao término do ano passado, esse número aumentou para 73 mil, representando um crescimento impressionante de 53% em relação aos últimos cinco anos.

Esses dados evidenciam uma clara tendência: o mercado imobiliário está se tornando cada vez mais atrativo para empreendedores e profissionais em busca de oportunidades de negócios. Este crescimento robusto reflete a confiança e o interesse crescente no setor imobiliário brasileiro, alimentado por diversos fatores, incluindo a estabilidade econômica, a demanda por moradias e investimentos no mercado imobiliário.

Além disso, as previsões para o setor em 2024 são otimistas, com expectativa de mais lançamentos de imóveis, aponta uma outra organização da área, a Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias (ABRAINC).

Corretores participam de apenas 40% das vendas de imóveis no Brasil

O envolvimento dos corretores de imóveis nas transações de compra e venda no Brasil é relativamente baixo em comparação com outros países, conforme revelado por uma pesquisa conduzida pela proptech israelense Propdo. Segundo o levantamento, apenas 40% das negociações imobiliárias no país contam com a mediação de um corretor. Esta porcentagem está significativamente abaixo dos índices observados nos Estados Unidos e na Europa.

Nos Estados Unidos, dados da Associação Nacional de Corretores (NAR) indicam que 95% das transações imobiliárias contam com a participação de corretores de imóveis. Por sua vez, na Europa, as taxas de envolvimento dos corretores situam-se entre 60% e 70%

Como se destacar nessa profissão?

Além do aumento no número de profissionais ativos no mercado imobiliário brasileiro, destaca-se a importância da constante atualização e participação em eventos do setor para os corretores de imóveis. Aqueles que investem em seu desenvolvimento profissional tendem a se destacar em um mercado cada vez mais competitivo.

Participar de eventos do mercado imobiliário não só oferece oportunidades para aprender sobre as últimas tendências e práticas inovadoras, mas também é fundamental para estabelecer e expandir uma rede de contatos sólida. O networking desempenha um papel crucial no sucesso de um corretor de imóveis, permitindo-lhes conectar-se com clientes em potencial, outros profissionais do ramo e possíveis parceiros de negócios.

Além disso, estar presente em eventos proporciona aos corretores insights valiosos sobre as preferências e necessidades do mercado, permitindo-lhes adaptar suas estratégias de venda e oferecer um serviço mais eficaz aos clientes. Em um ambiente dinâmico como o mercado imobiliário, onde as tendências e demandas estão em constante evolução, a participação ativa em eventos é essencial para manter-se atualizado e competitivo. Conheça aqui os principais cursos e eventos do mercado imobiliário.

Deixe seu comentário