Itaú anuncia redução de juros do crédito imobiliário

O Itaú Unibanco anunciou nesta terça-feira (14) a unificação das taxas de crédito imobiliário das linhas Carteira Hipotecária (CH) e Sistema Financeiro da Habitação (SFH). O objetivo, segundo a instituição, é estimular o setor de construção civil.

Para que os juros sejam equiparados, a taxa mínima dos financiamentos concedidos pela Carteira Hipotecária será reduzida de 9% para 8,8% ao ano mais taxa referencial (TR). Essa modalidade pode ser usada por qualquer cliente pessoa física e jurídica, independentemente do valor do imóvel. A análise é feita caso a caso pela instituição.

Neste modelo, os clientes não podem utilizar recursos do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) para pagar parte do financiamento.

Pelo SFH, podem ser financiados imóveis residenciais de até 950 mil de reais em São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Distrito Federal – o valor máximo cai para 800 mil reais nos demais estados. É possível financiar até 82% do imóvel — em até 360 meses — e utilizar o FGTS.

O Itaú Unibanco é líder na concessão de financiamento de imóveis para pessoas físicas entre os bancos privados no país, com uma carteira total de mais de 40 bilhões de reais. De janeiro a junho desse ano, o banco destinou mais de 4,5 bilhões de reais para financiamento de imóveis, um crescimento de cerca de 40% em relação a 2017.

Segundo o Itaú Unibanco, a nova política de taxas valerá a partir desta sexta-feira (17).

Fonte: Veja