Imóvel é símbolo de segurança durante pandemia

Após o susto inicial em março com a pandemia provocada pelo coronavírus, onde muitos setores foram paralisados, incluindo a sociedade, a diretora Comercial e de Marketing da Associação de Dirigentes de Empresas do Mercado Imobiliário da Bahia (Ademi-BA), Viviane Fonseca, durante entrevista ao Radar Imobiliário no sábado (30) na rádio Metrópole destacou que outras questões já dividem a atenção de todos, mas sempre mantendo o foco na saúde. Imóvel 

Entre elas estão as demandas relacionadas ao mercado imobiliário que movimentam uma cadeia produtiva com mais de 60 setores envolvidos, além de empregar milhares de trabalhadores na construção civil, seja para empreendimentos particulares ou até mesmo obras de infraestrutura que contribuam para o desenvolvimento das cidades. Imóvel 

Com esse cenário, o movimento em busca de soluções para todos os tipos está sendo mais apoiado, segundo Fonseca. Nesse contexto, está inserido o imóvel, onde as pessoas estão introduzidas quase que 24 horas do seu dia e por isso desejam e entendem uma propriedade de forma adequada para toda família, disse.

Como símbolo de segurança, tanto para quem vive como para aquele que tem como investimento, o imóvel se tornou ainda mais seguro em outros aspectos relacionados à saúde, segurança e principalmente pelo futuro.

Nesse posicionamento, a Ademi juntamente com o Sindicato da Indústria da Construção do Estado da Bahia (Sinduscon Bahia) lançaram um vídeo institucional que traduz este momento atual e a importância do setor imobiliário para economia do país em todos os aspectos. “A saúde prevalece, mas adotando as rotinas com todas as medidas de prevenção é seguro manter as atividades e essa engrenagem tão robusta funcionando”, ressaltou.

Sobre o comportamento dos consumidores em relação às compras, a diretora explicou que o choque inicial já passou e agora é perceptível uma retomada de interesse por parte dessa demanda que continua existindo e que é muito volumosa em busca da casa própria. “Claro que foi visto um número de pessoas que frearam a jornada de compra deixaram para um momento mais oportuno, mas outra parte continua com essa procura”.

Inclusive Viviane destacou a urgência e celeridade em concretizar o negócio, até mesmo pelas oportunidades e apoio da instituição financeira com taxas de juros reduzidas e carência para pagamento nos primeiros meses.

A partir desse panorama foi criado um contexto que irá viabilizar ainda mais a aquisição da unidade residencial. A Ademi inclusive já formata um evento online para disponibilizar todas as opções de imóveis do mercado imobiliário de toda Bahia.

O programa Radar Imobiliário é veiculado todo sábado das 9h às 10, na rádio Metrópole, 101,3, sob o comando de Manuel Gomes e Silva Rocha. Envie sua pergunta para o WhatsApp (71) 98155-3258 ou 3505-5000.

Crédito: Divulgação
Fonte: Ademi/PR.

Deixe seu comentário

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui