Ainda vale a pena investir em Portais Imobiliários?

A internet é a porta de entrada para os clientes que procuram um imóvel para venda ou para aluguel. Já falamos aqui que 90% dos negócios imobiliários hoje começam na internet. Dentro deste cenário, vale a pena para você, gestor de imobiliária, anunciar seus imóveis em portais imobiliários? Ou investir no site da sua imobiliária é o melhor negócio?

Embora muitos portais tenham propaganda massiva e bons resultados no Google, é preciso avaliar o custo benefício deste tipo de investimento em marketing digital imobiliário.

Vou explicar neste artigo o que você pode fazer para otimizar a divulgação da sua imobiliária, quais os portais mais acessados e o que fazer para que seu site tenha sucesso e se destaque dos concorrentes na sua região. Não deixe de conferir.

Portais imobiliários como tendência do mercado

portais imobiliários

Com a migração dos meios offline para online, ocorrido nos últimos anos, a forma de consumo se transformou.

O número de portais de divulgação imobiliária acompanhou a tendência e hoje é possível encontrar várias plataformas online que oferecem este serviço.

Cada região possui um portal predominante e todos os dias mais serviços do tipo entram no mercado. Além, é claro dos portais com presença nacional.

Para os investidores de anúncios nesses portais o retorno é, quase sempre, positivo. O volume de leads é grande, mas as chances de fechamento de negócios é baixa, devido a alta concorrência que ocorre.

Não há como negar que o número de usuários que acessa este tipo de conteúdo é muito grande. Mas nestes casos, não há um fortalecimento da marca da imobiliária, apenas divulgação de imóveis para o público final.

Porém eles são tendência e o reflexo disso são as diversas opções encontradas no mercado. Mas você sabe como funciona um portal imobiliário?

Eu te explico.

O que são, como funcionam e qual o investimento para os portais imobiliários?

Os portais imobiliários são vitrines online que fazem um compilado de anúncio dos imóveis oferecidos no mercado.

É como você estar no shopping passeando e ver várias vitrines de lojas, cada uma mostrando seus produtos.

Mas no portal imobiliário, na maioria dos casos, só são mostrados os anúncios de imóveis das imobiliárias que pagaram para estar ali. Isso inclui imóveis para locação, venda e permutas.

Alguns portais disponibilizam um número de anúncios gratuitos. Porém o retorno é pequeno, já que as imobiliárias pagantes têm mais alcance e ficam na frente nos resultados das buscas internas.

A grande vantagem é que o corretor ou a imobiliária anunciantes não precisam se preocupar com questões técnicas, como sistema, programação e layout.

Os portais oferecem tudo isso, basta cadastrar seu imóvel e clicar em enviar. Em alguns casos, inclusive, há uma integração entre os portais e o sistema de site da própria imobiliária.

Com isso, é necessário cadastrar o imóvel apenas uma vez, no próprio site da imobiliária, e ele automaticamente aparecerá no portal de anúncios.

Porém, nada é de graça.

É preciso levar em conta que ao anunciar em um portal você não estará se diferenciando do seu concorrente, que muitas vezes também anuncia naquele mesmo portal e têm a mesma visibilidade da sua marca.

Quando um cliente entra em um portal de imóveis eles estão focados, exclusivamente em produtos e não nas imobiliárias.

Do ponto de vista de marketing digital imobiliário este é um péssimo negócio, já que não agrega valor à sua empresa e gera uma disputa muito grande pelos clientes.

Ao anunciar nos portais o seu imóvel se torna apenas mais um anúncio, sem a possibilidade de mostrar aos clientes o diferencial da sua imobiliária.

Portais imobiliários mais acessados

portais imobiliários

Hoje os clientes que desejam buscar um imóvel na internet literalmente conseguem fazer pesquisas com apenas um clique.

Isso ocorre porque mais de 80% das casas no Brasil possuem pelo menos um celular com acesso à internet. A informação é do IBGE.

Os smartphones são verdadeiros computadores na palma da mão. O reflexo disso é a migração das buscas pelo desktop para o celular. Os portais que melhor se adaptam a esta tendência saem na frente.

Os portais imobiliários investem para captar mais clientes (mais imobiliárias, corretores e proprietários) para pagar por seus serviços. Quanto mais gente paga pelos serviços, mais concorrência há entre os anúncios.

O mercado usa os portais como referência, porém para o anunciante gera uma alta disputa pelos clientes.

Entre os portais imobiliários mais acessados do Brasil encontram-se o Viva Real, OLX, ImovelWeb, e Zap Imóveis. Não necessariamente nesta ordem, já que o ranking pode variar de região para região.

Então, ainda vale a pena anunciar imóveis nos portais?

Se você for comparar os anúncios em portais imobiliários com as mídias off-line, como jornais, revistas, panfletos e outdoor, vale mais a pena investir em um portal de imóveis.

Garanto a você que o resultado seria muito mais efetivo e passível de mensuração. Na mídia off-line não é possível saber qual a origem do cliente, quantos consumidores foram impactados pela campanha e o público que você está efetivamente atingindo.

Também não é possível mostrar fotos completas dos imóveis e, dependendo do anúncio, algumas características precisam ficar de fora. Em muitos casos o espaço físico da mídia off-line é limitado.

Já nos portais é possível analisar quantas pessoas viram o imóvel, de quais as regiões, qual horário de maior acesso e quais as buscas mais populares.

Várias fotos são inseridas junto com informações completas e detalhadas. Além disso, o alcance de um anúncio em portais é infinitamente maior do que o alcance das mídias fora da internet. Neste sentido, vale a pena sim anunciar em imóveis nos portais.

Mas se você deseja investir nos portais é importante levar alguns itens em consideração.

O que saber antes de anunciar imóveis em um portal imobiliário

Faça uma pesquisa do seu público-alvo para definir qual portal esses clientes mais acessam.

Também leve em conta a região em que seu público se encontra e qual a relevância do portal escolhido nas pesquisas orgânicas de sites de busca, como o Google.

Vale a pena repetir: cada região possui um portal dominante e com características próprias. Ao mesmo tempo existem maneiras mais eficientes de divulgação e com custo muito menores.

Outra dica é não focar apenas em um portal. Faça uma lista de portais que mais se adequam a certo tipo de imóveis.

Muitas vezes existem plataformas melhores para divulgar imóveis alto padrão, outras para o Minha Casa Minha Vida, outra para aluguel, e por aí vai. Faça essa análise e otimize seus investimentos.

A minha indicação é investir em inbound marketing e na estratégia de SEO dentro do site da sua própria imobiliária.

Conclusão: anuncie nos portais imobiliários, mas fortaleça sua marca com o inbound marketing

portais imobiliários

Falar em marketing digital imobiliário é falar também em anúncios. Não necessariamente anúncios pagos, mas é preciso fazer com que os imóveis da sua imobiliária se tornem atrativos para os clientes.

Uma das maneiras mais eficientes é o inbound marketing. No caso de você me perguntar se eu indico dedicar uma parte do orçamento para anunciar em portais, eu diria o seguinte:

Os portais imobiliários investem para captar mais clientes (mais imobiliárias, mais corretores e mais proprietários). É assim que eles lucram com os serviços oferecidos.

Desta forma, quanto mais imobiliárias pagam para anunciar nos portais, maior a concorrência de anúncios dentro da plataforma.

O mercado usa os portais como referência, porém para o anunciante gera uma alta disputa pelos clientes.

Não seria melhor atrair os clientes para dentro do site da sua imobiliária e conquistá-los com o melhor atendimento e serviço?

Eu posso te ajudar neste processo. Estou disponibilizando uma Avaliação Gratuita da sua Imobiliária.

Te espero lá.

Fonte: Gabriel Portilho

Deixe seu comentário