Passos eficazes para você captar imóveis com exclusividade

Basicamente a captação de imóveis consiste em buscar por meio de contatos e diligencias a comunicação com proprietários de imóveis que os deseje vender ou alugar um imóvel. Porem nesses tempos de isolamento social fica mais difícil o corretor de imóveis aumentar sua carteira de imóveis por meio de visitas. captar imóveis

Dicas para captar imóveis trabalhando em casa:

Para facilitar esse trabalho, vital para a carreira de qualquer corretor de imóveis, separamos alguns passos comprovadamente eficazes no processo de captação de imóveis, que pode ser colocar em prática imediatamente, e ajudar a construir sua carteira de imóveis para venda, “sadia”, rentável e com exclusividade. captar imóveis

O uso da Tecnologia para aumentar sua carteira de imóveis

Já existem no mercado imobiliário aplicativos que ajudam os corretores de imóveis a estabelecer parcerias entre si de forma mais prática, segura e com garantia de comissão. Esse é o objetivo do Homer, aplicativo pioneiro no setor que utiliza inteligência artificial para realizar conexões entre os profissionais em todo o país. Veja o vídeo abaixo:

Baixe o Homer agora – Clicando aqui

5 passos eficazes para captar imóveis com exclusividade

Passo 1 – Entrevista propositiva.

Nunca peça ao cliente a exclusividade para vender seu imóvel, durante a entrevista. Em vez disso, apresente uma proposta de trabalho, com um plano de ação detalhado para promover a venda do imóvel.

Passo 2 – Descubra a expectativa do cliente quanto ao valor do imóvel e diga que irá proceder uma avaliação precisa do mesmo.

É muito importante você ter uma ideia preliminar da expectativa do cliente quanto ao preço do imóvel, para que no decorrer da entrevista você possa dosar essa expectativa, caso ela seja muito otimista. Isso costuma acontecer com muita frequência. Justifique a avaliação dizendo que só assim você pode chegar ao preço real do imóvel, pois do contrário, corre-se o risco de ofertá-lo por um preço muito alto e não encontrar interessados, e, principalmente ofertar por um preço abaixo do seu valor de mercado e o cliente perder dinheiro.

Passo 3 – Mostre a força tarefa que será mobilizada para promover a venda do imóvel.

Quando você mostra a força de vendas que irá trabalhar a oferta do imóvel,(Você, sua equipe própria, o pool de corretores e imobiliárias com os quais você atua nas diversas regiões do país, a oferta na internet, etc.) você desperta a confiança do cliente e quebra todas as barreiras de resistência que por ventura possam existir. Nesse instante ele estará convencido de que é vantajoso contratá-lo para proceder a venda do seu imóvel.

Passo 4 – Apresente o contrato de prestação de serviços, autorizando você a proceder a avaliação e a venda do imóvel.

Nesse instante apresente a ele o contrato de prestação de serviços autorizando a avaliação e a venda do imóvel, com os campos referentes aos percentuais dos honorários, já preenchidos. Cobre um percentual um pouco acima do mínimo determinado pelo Conselho. Isso demonstra que você é um profissional acima da média, e, ninguém se importa em pagar um pouquinho mais por um profissional mais qualificado. Caso aja muita resistência, aceite o mínimo estipulado pelo Conselho. Mas nunca! Nunca ofereça seus serviços profissionais por um percentual abaixo do mínimo estipulado pelo Conselho. Isso põe por terra a imagem de profissional acima da média que você construiu no decorrer da sua apresentação e consequentemente o coloca de volta no mesmo nível dos profissionais medianos do mercado. Argumente mais, mas, nunca se desvalorize.

Passo 5 – Tranquilize o cliente caso venha a ocorrer discrepância entre o valor pretendido por ele e o apurado na avaliação

Para que o cliente não fique com receio de que ao assinar o contrato de prestação de serviços estará aceitando a venda do imóvel mesmo que a avaliação fique muito abaixo do valor pretendido por ele, mostre a cláusula, que deverá constar do contrato, onde fique claro que em caso de discrepância e desacordo quanto a esse valor, que inviabilize os trabalhos do corretor, o único ônus do proprietário será o pagamento da avaliação, que será entregue a ele encadernada e formalizada no documento de parecer técnico de avaliação.

Observe que os 5 passos propostos acima são totalmente afirmativos e não perguntam se o cliente concede a exclusividade na venda do imóvel. Ele apenas apresenta a síntese do trabalho a ser feito e pede que o cliente assine o contrato de prestação de serviços autorizando a execução do mesmo.

O fato de não se preocupar de imediato com a exclusividade na venda, passa uma imagem de profissionalismo e demonstra que o corretor está preocupado, sobretudo em atender a necessidade do cliente e não em apenas ter o imóvel na sua carteira. Essa atitude vai surpreende-lo e é suficiente para quebrar a maioria das ideias pré-concebidas de que a exclusividade, pode retardar a venda do imóvel. captar imóveis

Informações Academia da Venda Direta

Deixe seu comentário