Inédito no mercado imobiliário do país busca de imóvel por voz

A competição nas soluções online pela disputa do cliente no mercado imobiliário trás uma inovação. Primeira versão da ferramenta permite pesquisa pelo nome da rua, bairro e cidade. Estudo indica que cerca de 50% das buscas online serão realizadas sem o uso do teclado em 2020.

A Desenrola inova mais uma vez no mercado imobiliário brasileiro. Além de ser a primeira plataforma imobiliária digital que abre espaço para atuação conjunta com outras imobiliárias, a empresa digital de locação de imóveis comerciais e residenciais oferece agora ao cliente o sistema de busca por voz. A iniciativa é inédita no país.

Coordenadora de Soluções Tecnológicas da Desenrola, Jessica Grijó Bernardo, explica que a novidade se deu após intenso estudo da equipe de desenvolvimento da Desenrola, que lançou esta primeira versão e agora estuda a introdução da ferramenta em outros serviços oferecidos dentro da plataforma. “Nesta primeira etapa o sistema de reconhecimento por voz foi inserido no buscador de imóvel. Em 2020 nosso objetivo é aplicá-lo em diversas outras áreas no website, como a seção de indicação de imóvel e de anúncio, mantendo sempre o foco da humanização no atendimento e no contato com o cliente”, afirma. Os investimentos da plataforma em tecnologia ultrapassaram R$ 1 milhão em 2019.

Nesta versão que já está no ar, a busca de imóveis por reconhecimento de voz permite pesquisa por nome da rua, bairro e cidade. “Estamos propondo uma experiência memorável para o cliente. Para as próximas versões, queremos que a pesquisa reconheça a linguagem dos nossos clientes como, por exemplo ‘quero um imóvel no bairro mais badalado da cidade’”, adianta Jessica.

Tendência

A pesquisa por voz, ou voice search, é uma maneira de procurar resultados para uma palavra-chave em mecanismos de busca falando em direção a um dispositivo. Smartphones, tablets e assistentes ativados por voz são as interfaces mais usuais para realizar pesquisas por voz.

Segundo o Google, estima-se que 50% de todas as buscas serão feitas por voz até 2020. As pessoas usarão dispositivos habilitados para voz para concluir pelo menos 30% de todas as pesquisas sem usar uma tela. E as buscas por voz tendem a ser mais longas do que as pesquisas digitadas por meio de um teclado.

O desenvolvimento tecnológico vem tornando a experiência dos usuários cada vez mais qualificada. Atualmente a maioria dos serviços de reconhecimento de voz consegue processar até falas mais confusas, como as proferidas por crianças pequenas. Tal tecnologia é, portanto, algo cada vez mais presente na rotina das pessoas.

Pesquisa realizada pela Wix, plataforma de criação de sites, destaca que 2 em 5 usuários dizem que dispositivos ativados por voz são essenciais em sua vida e 19% das pessoas utilizam a Siri pelo menos uma vez ao dia. “Quanto mais digital se torna o mundo, mais humanizadas tendem a ser as máquinas”, explica Martha Gabriel, executiva e consultora entre os pensadores digitais mais influentes do Brasil.

Machine learning

O aprendizado de máquina (em inglês, machine learning) é um método de análise de dados que automatiza a construção de modelos analíticos. É um ramo da inteligência artificial baseado na ideia de que sistemas podem aprender com dados, identificar padrões e tomar decisões com o mínimo de intervenção humana.

Um aspecto que separa o machine learning de outros sistemas inteligentes é a sua capacidade de modificar-se quando exposto a mais dados, ou seja, o aprendizado automático da máquina é dinâmico e não requer intervenção humana para realizar certas mudanças, o que o torna menos frágil e menos dependente de especialistas humanos. As informações são do portal especializado Rock Content.

Sobre a Desenrola

A Desenrola é uma iniciativa da Brasil Brokers, um dos maiores grupos do mercado imobiliário no Brasil, e pode ser conferida no site www.desenrola.com.br. Objetivo da plataforma é desburocratizar e agilizar o processo de aluguel de imóveis comerciais e residenciais tanto para proprietário quanto para inquilino. O projeto piloto prevê investimento na ordem de R$ 10 milhões em dois anos. A Desenrola abre espaço para parcerias com outras imobiliárias. As imobiliárias de bairro, que têm seu público cativo e seu foco em venda de imóveis, mas não possuem estrutura de aluguel, podem listar o seu imóvel na plataforma, sem custos.

Deixe seu comentário

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui