Corretor de imóveis: saiba como planejar uma aposentadoria segura

Você já viu no blog da Leardi como o corretor de imóveis pode controlar os seus ganhos com mais eficiência ao longo de sua carreira. Agora, vamos pensar mais para frente, na sua aposentadoria.

Você que é corretor sabe. Enquanto em um mês a sua entrada de dinheiro pode ser bem mais de 10 mil reais, você pode ficar sem nada nos meses seguintes. Em meio a essa realidade de inconstância, fica difícil para o corretor de imóveis planejar uma aposentadoria segura. Em alguns casos, não sabe nem quando vai conseguir se aposentar no tempo desejado.

De fato, administrar as finanças pessoais não é uma tarefa simples, ainda mais quando o corretor é autônomo. Nesse caso, o melhor remédio é ter um ótimo planejamento e muita disciplina. E o blog da Leardi vai ajudá-lo nesse sentido. Confira a seguir alguns passos para garantir uma aposentadoria segura:

Planejando seu futuro

Um corretor de imóveis autônomo não consegue responder quanto ele ganha por mês, já que seus rendimentos variam conforme suas vendas. No entanto, dá para tirar uma média mensal de faturamento. Se você ganhou 10 mil reais em um mês e passou os dois meses seguintes em branco, podemos considerar que o seu rendimento mensal é um pouco superior a 3 mil reais.

No entanto, antes de aplicar seu dinheiro em qualquer previdência e/ou fundo de investimento, trace algumas metas. Por exemplo, você quer se aposentar com quantos anos? Quanto de dinheiro você quer ter disponível até lá? Respondendo essas perguntas, fica mais fácil escolher uma estratégia para aplicar seus rendimentos mensalmente.

Uma boa dose de disciplina

Junto com o planejamento vem a disciplina. Não adianta nada aplicar religiosamente durante três meses e desistir em seguida. Os investimentos devem ser constantes.

Quando você receber uma comissão, já aplique o valor fixo de investimento mensal já estabelecido. Se sobrar, você pode juntar ou comprar algo que está planejando. Aqui, a dica é não sacrificar a sua aposentadoria para comprar alguma coisa que pode ser comprada depois.

Por fim, além do dinheiro da aposentadoria, tenha uma reserva de emergência. Caso as vendas fiquem estagnadas durante um bom período, você usa essa reserva para pagar as suas contas.

Onde aplicar

Uma boa opção indicada por especialistas está na previdência privada. Com esses planos, você faz um depósito mensal e garante que, quando atingir a uma determinada idade, um salário vai sempre cair na sua conta. Antes de fechar esse tipo de investimento, você precisa ficar atento às taxas e às cobranças de impostos.

Se você quer manter seu padrão de vida durante a aposentadoria, o ideal é diversificar suas aplicações agora mesmo. Quanto mais cedo você começar a guardar dinheiro e a pensar na sua aposentadoria, maior será o valor acumulado até lá. Portanto, após decidir onde você vai aplicar seu dinheiro, invista-o imediatamente.

Banner_Guia

Deixe seu comentário