Como usar a fotografia para vender imóveis o ano todo

Para atrair a atenção de clientes e futuros compradores, apenas ter um imóvel fantástico em sua carteira de ofertas não basta. É essencial que os corretores de imóveis tenham boas fotografias de imóveis para divulgar melhor essas oportunidades. vender imóveis

Afinal, a venda de um imóvel começa no primeiro contato que o cliente tem com o anúncio e, na maioria das vezes, é a fotografia que desperta o interesse pelo local. Além de ser uma poderosa informação visual, tem a capacidade de comunicar muito sobre cada ambiente.

Para auxiliar quem precisa melhorar o registro fotográfico da sua carteira de imóveis, assista abaixo a palestra com varias dicas do fotógrafo imobiliário Diego Ramos, que há mais de 13 anos atua no setor.

O que é importante para uma excelente foto imobiliária

O fotógrafo imobiliário Diego Ramos destaca que a boa fotografia é o terno e gravata do seu imóvel. Ou seja, quando bem elaborada e captando o que de mais importante tem no imóvel, uma imagem tem poder de atrair interessados e despertar neles a vontade de visitar o local.

De acordo com o especialista, para conseguir uma excelente foto imobiliária é preciso estar atento a quatro pontos importantes: foco, organização, enquadramento e iluminação.

1 – Organização – vender imóveis

Antes de sair clicando todos os cômodos do imóvel, verifique se o local possui o mínimo de organização, principalmente aqueles que ainda estão habitados. Muitas vezes, sem esse cuidado a imagem pode transmitir a sensação de caos ou falta de espaço e isso acabar com o interesse de compradores.

2 – Iluminação vender imóveis

Fotos com a iluminação correta dão vivacidade para o ambiente. O ideal é que todas as janelas do imóvel estejam abertas e as luzes acesas na hora da fotografia. Para este item também é interessante observar a regulagem de EV da câmera, que significa o valor de exposição daquela imagem. Assim, valores negativos geram fotos mais escuras e valores positivos são usados para conseguir fotos mais claras, com mais vida e nitidez.

3 – Enquadramento

Se no anúncio você fala em sala ampla, é preciso escolher um enquadramento que mostre esta amplitude. Antes de fazer a foto, caminhe pelos quatro cantos do ambiente, teste locais diferentes para captar a imagem e o que irá aparecer na câmera a partir de cada um deles. Escolha o que comunica mais sobre o ambiente, que mostra detalhes do teto ao chão, espaço, aberturas.

4 – Foco vender imóveis

O foco de uma imagem é um dos ajustes mais importantes na hora de fazer registros visuais. Ele permite dar destaque para o assunto principal da fotografia e ainda guiar o olhar do receptor desta imagem para todos os elementos que compõem o ambiente. Porque de nada adianta você ter uma casa ou apartamento com todas as características que o cliente deseja se na hora de ver as imagens ele não conseguir perceber exatamente como ele é.

Se quiser conversar comigo ou com minha equipe, escreva para:
contato@fotografiaimobiliaria.com.br

Aquele abraço e conte sempre comigo!

Diego Ramos, diretor da Fotografia Imobiliária.

Deixe seu comentário