Investir em um site ou nas redes sociais?| Veja os prós e os contras

A presença online é um fator crucial para o sucesso de muitos projetos hoje em dia. É difícil imaginar atualmente uma empresa sem um site, ou sem uma página no Facebook, não é mesmo?

Imagine até mesmo um profissional, como um designer, um fotógrafo, ou um contador que está alheio aos meios interativos que a web oferece.

Certamente esse profissional vai perder espaço, não vai ter onde divulgar os seus serviços e, por causa disso, terá dificuldades para encontrar clientes.

A questão é simples: em um mundo cada vez mais conectado, movido por relações interativas proporcionadas pela internet, ter um site não é mais uma novidade, mas sim uma necessidade.

O mesmo vale para as redes sociais. Instagram, Facebook, Twitter (apenas algumas das mais conhecidas) devem fazer parte do dia a dia de qualquer profissional.

E se levarmos em consideração a onipresença de dispositivos móveis, tais como tablets e smartphones, essa presença online ganha ainda mais importância.

Afinal, graças a esses dispositivos, as pessoas passam cada vez mais tempo na internet, trocando informações e buscando serviços dos mais variados.

Site ou redes sociais? Eis a questão

Quando alguém fala em estar na internet, é comum questionarmos qual é o meio que traz mais vantagens, se são os sites ou as redes sociais.

A resposta para isso é bastante relativa, pois ambos possuem os seus benefícios e as suas desvantagens. Além disso, é preciso também levar em consideração qual é o seu tipo de empreendimento, no que você atua e quais os serviços que você oferece.

Outro aspecto importante é saber utilizar ambos, tanto as redes sociais quanto os sites, pois cada um deles possuem as suas características próprias.

Vários empreendedores, especialmente os que estão iniciando um projeto ou que administram uma empresa de pequeno porte, consideram que as redes sociais dão conta do recado.

O lado ruim disso é que sem um site uma marca fica à mercê das regras das mídias sociais. Outro ponto é a limitação da presença na web, pois sem um site o seu projeto perde muita visibilidade.

Diante disso, confira agora quais são as vantagens e as desvantagens que tanto os sites quanto as redes sociais representam para o seu negócio.

Vantagens e a desvantagem dos sites

Os sites também apresentam alguns aspectos positivos e outros nem tanto. Por isso, conheça primeiro algumas vantagens:

Segurança

Sites podem adquirir certificados oficiais de segurança, possibilitando a realização de vendas de produtos de maneira segura.

Google

Por meio do uso correto das chamadas técnicas de SEO, o seu site poderá ficar bem posicionado nas páginas de resultado do Google, proporcionando para o seu negócio mais visibilidade.

Vitrine

Um site é o local que possui todas as informações a respeito do seu negócio. Não é exagero afirmar que ele é a vitrine do seu empreendimento na internet.

No entanto, apesar das evidentes vantagens, é preciso conhecer também suas desvantagens.

Constantes atualizações

Para ter bom retorno, um site precisa estar sempre atualizado com conteúdo de qualidade. Uma das alternativas mais usuais é agregar um blog ao seu site institucional.

Exige algum conhecimento técnico

Dependendo do nível de conhecimento, manter um site pode ser complicado, principalmente para iniciantes.

Exige investimento

Por mais baixo que seja, um site exige investimento na compra de domínio, hospedagem de sites e manutenções periódicas com profissionais ou desenvolvedores.

Vantagens e desvantagens das redes sociais

Para a melhor compreensão das características de cada uma dessas possibilidades, vale conhecer alguns benefícios que as redes sociais proporcionam. São eles:

Relativamente baratas

Abrir uma conta em uma rede social é fácil e não há custos. Graças a isso, a utilização das redes sociais representa uma significativa redução de custos em estratégias de marketing online.

Interatividade

As redes sociais representam um eficiente meio de interação entre você e os seus clientes. Por meio delas, você pode receber críticas, sugestões e divulgar informações relevantes sobre os seus serviços.

Grande público

É difícil encontrar alguém que hoje em dia não faça parte de uma rede social. Por isso, seja qual for o tipo de serviço ou produto que você oferece, uma parcela de potenciais clientes vai estar presente nas redes sociais.

No entanto, é interessante estar ciente das desvantagens que as redes oferecem. Nesse caso, as desvantagens são:

Falta de direcionamento

Devido ao excesso de informação que as redes sociais apresentam, a sua postagem pode se perder diante de tanto conteúdo, fazendo você desperdiçar boas oportunidades de divulgação.

Características distintas

É preciso estar atento para as diferenças de cada rede social. O Twitter, o Instagram, o Facebook, cada uma delas possui propósitos e dinâmicas diferentes.

Por isso, antes de investir em estratégias nas redes, analise qual é a melhor para o seu negócio e como é o funcionamento de cada uma.

Conclusão

E então, vale apena investir em um site ou nas redes sociais? A resposta é: em ambos! Cada um deles possui dinâmicas distintas, mas que ainda assim se complementam proporcionando vários benefícios para o seu negócio.

Sites e redes sociais são meios diferentes, mas ambos representam hoje em dia ferramentas úteis para os mais variados tipos de negócios.

Portanto, ao investir em um projeto na web, é impossível adotar uma ferramenta e ignorar as outras. O ideal é ter presença em vários canais, mas sempre com planejamento e de forma correta.