Os segredos dos lideres do mercado imobiliário – Wagner Bonato

Com o intuito de compartilhar experiências e cases de sucesso o Portal Publicidade Imobiliária convidou diversos profissionais do mercado imobiliário para falar um pouco sobre sua trajetória e contribuir com dicas para outros profissionais do ramo imobiliário. O nosso entrevistado de hoje é Wagner Bonato

Wagner Bonato é corretor de imóveis, palestrante, coach de posicionamento e carreira e professor de pós-graduação em Gestão de Negócios Imobiliários. É idealizador do Top Brokers (primeiro reality show imobiliário no Brasil). Possui diversos cases de sucesso em vendas e é um dos grandes mentores imobiliários da atualidade.

– Como e quando você entrou no mercado imobiliário?

Iniciei em 2006 em uma empresa de credito habitacional como vendedor, até me tornar sócio. Mas em 2008 não estávamos tendo grande êxito com esta empresa, o modelo de negócio era semelhante a um consórcio mas a contemplação era diferente e eu não estava satisfeito. Decidi sair da sociedade e começar do absoluto zero como corretor de imóveis em uma imobiliária tradicional da cidade. Endividado, dependendo da ajuda de familiares, ganhando até sapato novo de colega de trabalho, o inicio foi bem difícil. Pensei muitas vezes em desistir. Apenas no 4° mês de trabalho realizei minha primeira venda. A partir de então a situação foi melhorando e eu fui pegando o jeito do negócio. Estudei, me qualifiquei e alguns anos depois para resumir, eu havia aberto imobiliária, formado mais de 400 profissionais entre corretores, gerentes, diretores, juntos ganhamos 6 prêmios de melhor performance em vendas do ano com algumas das maiores construtoras do país.

– Como e porque você decidiu além de corretor de imóveis se tornar um palestrante?

Em 2014, pelo resultado que havia conquistado até então com minha imobiliária, eu recebi uma proposta irrecusável para fazer a gestão de uma das maiores construtoras de Santa Catarina. E nessa gestão contratei um conhecido palestrante. Nos tornamos amigos, e fui me encantando com aquele trabalho que ele fazia, até que decidi gravar um vídeo e colocar no YouTube em fevereiro de 2015. O vídeo começou a se popularizar, e em junho do mesmo ano fui convidado para dar uma palestra em um evento em Balneário Camboriú, foi a minha primeira vez. A partir desse dia, decidi que aos poucos eu queria me dedicar a fazer apenas isso. Mas foi apenas em 2017 que realmente dei 100% do foco em palestras e consultorias para o mercado imobiliário. Hoje eventualmente faço alguns negócios imobiliários quando são interessantes financeiramente ou para amigos, mas, me dedico por completo a formar novos talentos para o mercado. Tenho alunos iniciantes, gestores de grandes empresas, proprietários de imobiliárias e construtoras e juntos formamos o que chamamos de Top Brokers.

– Com tanto tempo de experiência você participou de momentos únicos no imobiliário brasileiro. Pode falar um pouco sobre isso?

Verdade. Vivi a crise de 2008, que gerou muita especulação se no Brasil a crise imobiliária seria como a bolha nos EUA, e isso complicou o mercado por um tempo, gerando algumas incertezas. Mas em 2009 surgiu o Minha Casa Minha vida que deu uma nova injeção no setor, e participei ativamente do boom imobiliário no Brasil. Vi empreendimentos serem vendidos por completo em poucas horas. Filas e aglomerações em stands de vendas, corretores enriquecendo com dezenas de vendas. Mas também vivi a crise de 2015 e 2016. Após eleição da Dilma, o país caiu em uma crise política econômica sem precedentes. Muitas empresas do mercado foram a falência, milhares de corretores saíram do mercado e acabou sendo um processo de aprendizado para muitos que conseguiram se manter.
Agora em 2020 vivíamos um momento muito positivo e prospero, mas a pandemia deu uma segurada em muitas possibilidades que poderiam ter impulsionado ainda mais o mercado como um todo, mas em muitas regiões o mercado de certa forma se manteve aquecido e acredito que assim que superarmos isso, voltaremos a todo vapor e com muita energia acumulada.

– Vemos muitas pessoas que entram no mercado imobiliário com os dois pés no peito e por x motivos acabam saindo e trabalhando em outras áreas, ao passo que quem persevera cria seu nome e é bem notado. Qual seu segredo para se manter sempre ativo nesse universo de predadores?

O corretor precisa ter objetivos claros, saber o que quer e quando quer. Planejar seus objetivos e ter um motivo maior faz toda diferença. Tendo isso como base aí é preciso posicionamento de acordo com o nicho que quer atuar, foco, dedicação e sabedoria para tomar decisões. Tenho muitos alunos que para acelerar este caminho me procuram como mentor, alguém que já trilhou o caminho e que pode acelerar a jornada deles em busca do sucesso, e graças a Deus já ajudei muita gente a ultrapassar a marca de mais de 1 milhão em comissões por ano. Isso é gratificante.

– Todos temos aquela situação peculiar que enfrentamos nas nossas profissões, que podem deixar a gente no sufoco naquele momento mas depois rendem boa histórias. Qual história engraçada você tem para nos contar?

Uma das histórias mais clássicas que conto em palestras é do inicio da minha carreira quando ainda não tinha vendido, e um colega, mineiro e gente finíssima em uma roda de Corretores em frente a imobiliária me perguntou: Bonato você não tem outro sapato não? Esse teu aí tá furado e eu tô com vergonha por você rs. Sim, ele disse isso! Claro que fiquei envergonhado porque achei que não dava para perceber. E eu disse que estava sem dinheiro para comprar um novo sapato. No dia seguinte ele apareceu com uma caixa e me presenteou com um sapato novo. Quando abri o sapato era marrom, meio laranja… Eu só usava sapato preto e quando cheguei em casa e mostrei a minha mãe ela deu um jeito e pintou o sapato de preto para mim. Quando meu colega viu pergunto do sapato que tinha me dado e eu mostrei ele pintado. Foi a maior zoação, e ao mesmo tempo que aquilo tudo era engraçado, eu me sentia grato pela amizade e carinho que ele teve comigo.

– Durante o tempo que você exerce profissão muitas coisas mudaram dentro do mercado imobiliário. Existe algo que não é mais tão comum no meio e você sente saudade?

Algo que mudou muito é a forma de comunicação com o cliente. Antes de WhatsApp e a febre das redes sociais falávamos com mais facilidade com o cliente por telefone. Hoje as pessoas detestam telefone, preferem mensagens e e-mails. Com isso o contato com muitos clientes mudou e o corretor teve que se adaptar. Isso da saudade sim.

– E dentre tantas mudanças, o que você pode destacar que se manteve firme com o passar dos anos?

Apesar de tantas mudanças e novas tecnologias o que não muda é a importância do atendimento presencial no processo de compra de imóveis. E quanto mais qualificado o corretor estiver mais resultado ele colhe. Por isso entender de pessoas é primordial para o sucesso na profissão.

– Qual foi seu primeiro grande projeto? Como ele impactou sua carreira?

Abrir minha imobiliária em 2010 era o meu grande projeto. Apesar de começar muito pequeno eu sonhava e planejava ser a maior do Brasil. O impacto disso foi o crescimento acelerado que tivemos. Nos primeiros 3 anos já tínhamos 4 lojas em 3 estados diferentes. E apesar do destino ter mudado meus planos, o aprendizado foi grande. E foi a partir disso, que criei um modelo de qualificação para ajudar os corretores. Hoje posso contar que já tive a felicidade de mudar a vida de muita gente, e tudo que aprendi ensinando, virou curso, mentoria, palestra, e sou muito feliz ajudando profissionais de todo Brasil e terem sucesso.

– Atualmente você tem vários projetos, eventos em andamento. Como o mercado está recebendo seu trabalho?

Verdade. Sou empreendedor e sempre crio novos projetos além das palestras que já tem uma grande demanda. Em 2019 fiz mais de 70 palestras por todo Brasil, em média 6 a 7 eventos por mês. Mas com a pandemia isso sem duvidas foi impactado e os eventos estão se adaptando para o modelo online, mas a quantidade é menor. Recentemente no único grande evento presencial imobiliário de 2020, o Top Brokers, lancei um projeto inovador que esta tendo uma boa adesão, que é uma Academia de Corretores. Uma escola de formação de talentos para o mercado imobiliário. E agora em julho lanço o meu curso chamado “Corretor Extraordinario Top Brokers” que acredito que terá grande adesão de Corretores de todo Brasil.

– Caso alguém tenha interesse em te contratar, quais tipos de serviço você oferece?

Palestras e treinamentos com temas de vendas, atendimento, fechamento, estratégias imobiliárias, além de consultorias para incorporados e imobiliárias são meus principais serviços.

Você também fundou o movimento Top Brokers! O que nós podemos esperar deste Movimento? Existem novidades a serem lançadas?

O Top Brokers surgiu em 2011 ainda quando eu tinha imobiliária, e simbolizava o prêmio mensal que eu dava aos melhores corretores. Em 2017 o nome se tornou um reality show imobiliário e no mesmo ano criei o primeiro evento. Hoje o Top Brokers além de já ter impactado mais de 15 mil corretores em nossos workshops, temos mais de 100 alunos ativos e um movimento que irá crescer muito nos próximos anos. A novidade é a Academia de Corretores e o meu curso que será lançado em julho.
Temos um projeto encubado mas que vai sair provavelmente em 2021 que é o levar o reality show para TV aberta. Isso será a realização de um grande sonho que tenho desde que fiz a primeira edição em 2017.

– E para finalizar, qual dica você pode dar para quem quer se tornar uma pessoa de sucesso dentro do mercado imobiliário?

Faça um planejamento com metas a curto, médio e longo prazo. Traduza isso em ações diárias com métricas claras, e trabalhe com dedicação e amor, tendo consciência que não será fácil, mas que se fosse fácil qualquer um faria. E saiba que você é especial, e pode fazer a diferença na sua vida e na vida de quem importa para você.

Acredite que você é capaz, mesmo nos momentos mais difíceis se lembre do porque foi que você começou. Se o seu motivo for realmente importante, você terá o resultado esperado ou estará próximo disso. Sucesso!

Site: www.wagnerbonato.com.br
Instragram @wagnerbonato

Deixe seu comentário