Mercado imobiliário em SP deve repetir aumento de vendas em 2020

Mercado imobiliário em SP – No ano passado, as vendas de imóveis tiveram forte alta de 49,5%, para 44,7 mil unidades

O mercado imobiliário paulistano de imóveis residenciais novas deve repetir em 2020, o número de imóveis de 2019. Já o Valor Geral de Vendas (VGV) deverá crescer. Essas projeções foram divulgadas, há pouco, pelo economista-chefe do Secovi-SP, Celso Petrucci.

No ano passado, as vendas tiveram forte alta de 49,5%, para 44,7 mil unidades, na capital paulista, de acordo com o Secovi-SP. No período, foram lançadas 55,5 mil unidades, com aumento de 49,6%, de acordo com dados da Empresa Brasileira de Estudos de Patrimônio (Embraesp) divulgados pelo Secovi-SP.

O Valor Geral de Vendas (VGV) comercializado cresceu 44%, para R$ 22,3 bilhões, e o VGV lançado teve expansão de 47%, para R$ 27,9 bilhões .

No fim de dezembro, a cidade de São Paulo tinha 34 mil imóveis residenciais novos disponíveis para vendas.

Este conteúdo foi publicado originalmente no Valor PRO, serviço de informações em tempo real do Valor Econômico.

Deixe seu comentário