21 perguntas que todo corretor deve saber responder sobre vendas de imóveis

Se você é corretor de imóveis ou trabalha no ramo imobiliário, com certeza lida com diversas perguntas e dúvidas quando vai atender a um cliente.

Afinal, seja qual for o objetivo do seu cliente, um imóvel é sempre algo de grande impacto na vida dele. corretor de imóveis

Por isso, saber responder essas questões com precisão, pelo menos as mais comuns, é essencial para qualquer profissional que trabalhe com o público e queira se destacar com os clientes.

E, pensando em te ajudar nesta tarefa, listamos neste artigo 21 das perguntas (e suas respostas) mais comuns sobre vendas e de imóveis.

Vamos lá? Confira abaixo:

  1. Quais são as formas de pagamento?

Depende do imóvel e de onde você está comprando. As mais comuns são à vista, por financiamento imobiliário ou até mesmo doação. Saiba informar com detalhes para seu cliente as condições de cada uma dessas formas.

  1. Além do valor do imóvel, quais são as outras tarifas que devo pagar?

Também é de responsabilidade do comprador outros custos como o ITBI, Registro de compra no cartório e escritura pública do imóvel.

  1. Podemos negociar o valor do imóvel?

O cliente sempre vai tentar negociar o valor do imóvel. Essa é uma prática que tem limites. Mas é sempre bom ter uma margem para agradar o comprador.

  1. Quais documentos necessários para realizar a compra?

No geral, para pessoas físicas, é exigido:

  • Cópia do RG
  • Cópia do CPF
  • Comprovante de Residência
  • Comprovante de Estado civil
  • Carteira de trabalho
  • Extrato do FGTS (em caso de utilizá-lo para a compra do imóvel)
  • Se casado, apresentar os mesmos documentos do cônjuge
  • Se for separado, apresentar a cópia da certidão de casamento com averbação
  1. A infraestrutura local vai atender às minhas necessidades?

A infraestrutura está entre as dúvidas mais frequentes dos clientes. Tanto em relação ao imóvel em si, quanto à sua localização. Por isso que, para não deixar o cliente com dúvidas na hora da compra, é essencial que trabalhe bem essa objeção nas etapas anteriores.

6 É possível dispensar o valor de entrada do imóvel?

Sim, é possível comprar um imóvel financiado sem pagar nenhum valor de entrada. Mas, neste caso, é preciso negociar diretamente com a construtora do imóvel e acertar os detalhes.

7.Como posso utilizar meu FGTS para comprar um imóvel?

Os recursos do FGTS só podem ser usados para comprar imóvel de até R$ 500 mil reais e que sejam residenciais urbanos. Para usar o recurso, a pessoa física precisa comprovar que trabalhou, pelo menos, 3 anos no regime do FGTS.

  1. Quem paga a comissão do corretor de imóveis (ou imobiliária)?

Sempre o proprietário do imóvel, que contratou os serviços de corretagem.

  1. O mercado está em crise. Será que vale a pena comprar agora?

A crise no mercado imobiliário é composta por uma alta demanda com poucos compradores. Por isso, assim como nos investimentos, essa é a melhor hora para comprar um imóvel, pois os preços estão bem abaixo do comum.

  1. Qual a idade máxima para começar um financiamento imobiliário?

A idade máxima pode variar entre as instituições financeiras. Em geral, gira em torno de 70 a 75 anos.

  1. Devo procurar um imóvel pronto e novo ou em obras?

Os dois têm as suas vantagens. Enquanto os imóveis em obras permitem mais flexibilidade para fazer algumas mudanças na planta, por exemplo, os prontos já estão preparados para morar. Depende da sua necessidade.

  1. Posso reclamar de algum problema no imóvel após a compra?

Em um imóvel novo, existe uma garantia de em média 12 meses para reclamar de problemas estruturais. Quando se trata de financiamento bancário, na hora de assinar o contrato, automaticamente um seguro é contratado.

  1. Posso vender um imóvel financiado?

Sim. No entanto, existem algumas burocracias maiores se o novo comprador optar por financiar o imóvel também.

  1. Como eu sei se o imóvel vai valorizar ou desvalorizar ao longo do período?

Não existe garantia. Mas um histórico pode nos dar bastante precisão da valorização de um imóvel. Seja localização, tipo de imóvel ou até mesmo projetos semelhantes.

  1. Qual a diferença entre financiamento pela tabela Price e SAC?

A Tabela Price é o sistema de financiamento por prestações fixas. Já o SAC, o valor é abatido do total do financiamento, portanto as prestações são decrescentes.

  1. Quanto tempo demora para vender um imóvel na minha região?

Aqui, você precisa levantar uma média do histórico de vendas no bairro em questão.

  1. Por que vale a pena sair do aluguel para comprar um imóvel?

Em quase todas as situações sair do aluguel vale a pena. Porque o valor pago mensal em um aluguel, na grande maioria das vezes, é maior do que o de um financiamento, por exemplo. Só não para quem realmente ainda não tem condições de financiar um imóvel ou comprá-lo à vista.

  1. Quando o imóvel é quitado, como devo proceder?

Você deve ir até o Cartório de Notas com seus documentos pessoais e solicitar a escritura definitiva em seu nome.

  1. Como saber se o valor cobrado pelo imóvel é justo?

Você pode encontrar um corretor de sua confiança e fazer uma análise de mercado geral do imóvel. Mapeando desde a região até o tipo de imóvel.

  1. O que são taxas de obras?

A taxa de obras é um valor cobrado somente para imóveis que são comprados na planta. Ela é cobrada durante o período da assinatura do contrato até a entrega das chaves.

21.O que deve constar no contrato de compra e venda do imóvel?

O contrato é um documento que precisa constar todos os detalhes acordados nas negociação. Por exemplo, valores, dados do comprador e vendedor, além dos dados do imóvel, forma de pagamento, valores de entrada e etc.

Afinal, é ele quem vai ditar as obrigações e direitos entre comprador e vendedor.–

Por: Manoel Gonçalves, imobiliarista com mais de 12 anos de experiência no mercado imobiliário. Founder e CEO da Arbo Imóveis, marketplace do mercado imobiliário, que simplifica as transações para locatários, proprietários, administradores e compradores. Responsável pela tecnologia de marketing e vendas da JHSF, BTG Pactual, Apex, Imóveis de Primeira, Helbor, Grupo Avantti e mais de 80 imobiliárias por todo o Brasil

Acesse: www.arboimoveis.com.br

Deixe seu comentário