Caixa reduz juros. Veja o impacto no financiamento de imóveis

Banco diminuiu taxa mínima do financiamento de imóveis de 6,75% para 6,25% ao ano

A Caixa recentemente baixou os juros mínimo para financiamento de imóveis de 6,75% para 6,25% ao ano. Mas qual foi efetivamente o impacto do corte no financiamento?

No caso de quem deseja financiar um imóvel de R$ 500 mil, dando 20% do valor do imóvel como entrada, e consiga contratar a nova taxa mínima de juros cobrada, a primeira prestação cai de R$ 3,4 mil psra R$ 3,2 mil. Ao final do financiamento, a nova taxa significa uma economia de R$ 29 mil em pagamento de juros.

O financiamento de imóveis desse valor também se tornou mais acessível com a nova taxa. Antes era necessário ter uma renda familiar de R$ 11,3 mil para financiar um imóvel de R$ 500 mil no banco. Agora, é possível financiá-lo com renda familiar a partir de R$ 10,8 mil.

Veja abaixo o que mudou no caso de um mutuário que resolva financiar 80% do valor do imóvel em 30 anos: financiamento de imóveis

Juros mínimo atual – de 6,25% ao ano

Juros mínimo anterior – de 6,75% ao ano

Caixa oferece juros mais baixos e crédito mais barato

Segundo levantamento do comparador de crédito imobiliário MelhorTaxa para a EXAME, a Caixa continua a cobrar o menor juros nas linhas indexadas à TR. Atualmente os bancos cobram taxas que variam atualmente de 6,25% a 8,60% ao ano.

Mas a taxa de juros é só um primeiro indicador que o consumidor deve olhar ao buscar financiar um imóvel. O mais importante é comparar o Custo Efetivo Total (CET) do financiamento entre os bancos. Isso porque pode ser que o banco ofereça uma taxa de juros menor, mas no final das contas, considerando o preço do seguro e outras despesas do financiamento, o crédito pode ficar mais caro. financiamento de imóveis

Fonte: Exame

Deixe seu comentário