Entre na nossa lista de email e receba Notificações exclusivas sobre o mercado imobiliário Toda semana!

Lendo Agora
Caixa lançará em março crédito imobiliário com juro prefixado

Caixa lançará em março crédito imobiliário com juro prefixado

Caixa lançará em março crédito imobiliário com juro prefixado

O presidente da Caixa, Pedro Guimarães, disse nesta quinta-feira, 2, que o banco deve lançar em março linha de crédito imobiliário com juro prefixado. “Você vai poder contratar crédito de 30 a 35 anos e saber quanto vai pagar neste período”, afirmou.

Hoje o banco oferece linhas de crédito corrigidas pela Taxa Referencial (TR) ou pelo índice oficial de inflação, o IPCA. Guimarães disse esperar que a migração entre linhas de crédito imobiliário se multipliquem com o lançamento da terceira opção de financiamento.

“Vale lembrar que, quando a Caixa lançou, há alguns meses, criticava-se muito, mas hoje 16 bancos oferecem crédito imobiliário pelo IPCA”, disse o presidente do banco. As declarações foram feitas após Guimarães se reunir com o presidente Jair Bolsonaro no Palácio do Planalto.

Saque do FGTS

O presidente da Caixa disse que o Banco Central divulgou números desatualizados sobre saques do FGTS. Segundo Guimarães, foram sacados até 60% dos recursos disponibilizados pelo fundo. A ideia, disse ele, é que o porcentual chegue 70% ao final das operações.

Em 20 de dezembro, o Banco Central divulgou que somente 44% dos recursos liberados foram efetivamente sacados pelos beneficiários. “Eles tinham dados desatualizados”, alegou Guimarães.

O presidente da Caixa disse que 1 milhão já pediram acesso a recursos do “saque-aniversário” da parcela do FGTS.

Devolução do IHCD

Guimarães disse que a Caixa deve fazer nova devolução dos chamados Instrumentos Híbridos de Capital e Dívida (IHCD) neste ano. “A cada trimestre a gente pode devolver mais um valor porque vai tendo mais lucro”, afirmou.

Leia Também
Com juros baixos o investimento em imóveis está mais atrativo do que nunca

Segundo ele, o banco está preparado para a operação, mas depende de decisões de órgãos reguladores, como CVM e B3. “Por nós, o mais rápido (sobre prazo). São etapas que tem todos os órgãos reguladores, mas a gente está muito preparado para essas operações”, afirmou.

A Caixa devolveu ao governo um total de R$ 11,350 bilhões de IHCD em 2019. O valor trata de empréstimos feitos durante o governo da ex-presidente Dilma Rousseff.

Fonte: Isto É

Nenhum Comentário (0)

Deixe seu Comentário

Seu email não será divulgado.

© 2021 Publicidade Imobiliária. Todos os direitos reservados.